Uma hora ou outra a blogosfera te pega

Tenho notado há alguns dias que o número de visitantes únicos seguido dos pageviews vem aumentando consideravelmente aqui no blog. Por isso me vi “obrigado” a escrever sobre este assunto que talvez possa ajudar a quem estiver interessado.

Este blog ainda não completou um mês de vida e mesmo assim já está devidamente indexado no Google e em vários outros buscadores. Também já está listado entre os TOP100 blogs do WordPress.com, que é o local onde está hospedado e, para falar a verdade, este blog já esteve em 8º lugar nesta classificação. Mesmo com tudo isso, confesso que desconheço completamente o algoritmo que se encarrega de fazer estas escolhas dentro do WP.com. Quanto aos buscadores, qualquer um conhece como eles trabalham e como são os seus algoritmos.

Enfim, tudo o que escrevi até hoje foram coisas rotineiras e comuns, algumas poucas delas já estão até espalhadas pela web ou até mesmo listadas anteriormente em outros blogs, por exemplo. É claro que a grande maioria dos artigos encontrados aqui são de minha autoria, incluindo algumas dicas, spoilers de seriados como LOST e 24 Horas pelos quais eu passo um bom tempo pesquisando para poder escrever e compartilhar.

Bom, mas os meus campeões de hits foram os meus posts tutoriais a respeito de como burlar ou quebrar o bloqueio do RapidShare, MegaUpload, SexUploader e por fim o Megarotic. E pensando exatamente nesses posts que eu percebo o quão engraçado é o brasileiro. Sempre tentando passar a perna em tudo. Sempre tentando aplicar aquele jeitinho brasileiro que todos, inclusive você mesmo e até eu, já tivemos orgulho um dia.

E é justamente aí que queria chegar… Ao olhar para as minhas estatísticas internas me deparo com essa ânsia que a maioria dos blogueiros brazucas têm para conseguir, quem sabe ganhar, um espaço à sombra com algumas centenas ou milhares de pageviews por dia. Eu, que participo da blogosfera desde o início de 2003, já tive vários outros blogs, a maioria deles acabei desistindo logo no início e apenas um desses, conseguiu uma boa projeção, mas por descaso meu e dos outros membros da equipe e, principalmente da falta de tempo na época, fui obrigado a escolher outro caminho.

O que posso passar para a blogosfera?! Antes de qualquer coisa, lembre que o brasileiro não gosta de ler. Isto infelizmente é fato. Não é nossa culpa e sim do ensino educacional limitado que possuímos. Mas sabendo escolher os temas a serem expostos e, ao mesmo tempo, saber usar as palavras corretas para que algum indexador te pesque no meio da multidão já é um bom começo. Fale sobre o que você gosta. Fale sobre fatos atuais. Mantenha seu blog atualizado com um ou dois posts diários, pelo menos no início. E por fim, aproveite, divirta-se, faça amigos, participe da blogosfera, deixe comentários, pois é justamente desta forma que estamos apoiando uns aos outros.

•••