Marketing de guerrilha

O termo privacidade já não tem mais o seu verdadeiro significado diante de ações consideradas de guerrilha, ou seja, o que aconteceu com Britney Spears ao ser fotografada sem calcinha pode ter sido totalmente premeditado para que a sua imagem voltasse para os principais meios de comunicação. Como foi com Lindsay Lohan, Paris Hilton, Juliana Paes e Luana Piovani, lembram?! Todas elas foram flagradas sem calcinha e com seios à mostra. Isso, meu caro, é mídia instantânea!

Ultimamente estão usando muito desse método denominado Marketing de Guerrilha que tenta a todo custo expôr determinada marca ou produto como foi feito com um container de Doritos que foi encontrado numa praia, jogado às moscas e aos peixes, por exemplo. E também agora com as celebridades que também aderiram a este método, como foram citadas acima.

Mas é aí que fica a dúvida… Até quando o consumidor, o ouvinte, o leitor, o visualizador ou até mesmo o telespectador vai continuar gostando e/ou apoiando métodos que até então só eram usados por publicitários, mas que hoje podemos vê-los espalhados por todos os lados e por onde e por quem menos se espera.

Enfim, mudando da água para o vinho, a mulher ficar exposta sem roupas íntimas é, no mínimo, anti-higiênico, como disse Lia em seu blog. Não que eu seja contra, mas nisso eu sou obrigado a concordar, mesmo que exista um fetiche masculino e também feminino (!) diante de situações como esta, mas a sensação é extremamente apelativa para um todo.

1 comentário

  1. José T. Schardosim

    Publicado em 02/07/2007 às 12:13 [+]

    A tristeza é um momento
    De beleza e reflexão
    A tristeza sempre é natural,
    Vem do fundo do coração

    A tristeza é como uma brisa no campo,
    Nunca sabemos de onde vem
    Ou para onde vai

    Não entendemos seu cheiro e ficamos a divagar
    A tristeza aguça nossos sonhos
    A tristeza sabe quem somos
    E como nos atacar

    Já ouvi pessoas a dizer
    Que irradiava tristeza e alegria,
    Já a ouvi dizer isso de mim!